segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Japão apresentou submarino de ataque movido a baterias de íons de lítio

O Japão lançou a sua mais recente arma naval, o “Taigei”, que significa Big Whale, e é uma nova classe de submarino, mais um a adicionar á frota de submarinos do país que ficará assim com um total de 22.

O “Taigei” foi apresentado a 14 de outubro no estaleiro Mitsubishi Heavy Industries em Kobe e está previsto para estar pronto para lançamento oficial em 2022.

O submarino diesel-elétrico será movido por baterias de íon-lítio, segundo a Defense News .


submarino-Taigei
Photo//Ministério da Defesa do Japão

Stena Line projeta navio totalmente eletrico


Nova classe de submarino

O “Taigei” é um submarino de ataque com cerca de 3.000 toneladas, mede 84 metros de comprimento e 9,1 metros de largura podendo acomodar 70 membros da tripulação. É o sucessor do submarino japonês “Soryu”



O Japão tem ampliado a sua frota de submarinos usando baterias de íon-lítio como fonte de energia há cerca de duas décadas, pois as baterias exigem menos manutenção e podem durar mais do que baterias de chumbo-ácido em altas velocidades, mesmo quando submerso.



Até agora, o Japão é o único país que possui submarinos alimentados por baterias de íon-lítio, de acordo com Defense News.





O submarino "Taigei" está sendo construído pela Mitsubishi Heavy Industries Ltd. e terá um custo de 76 bilhões de ienes japoneses ($ 720 milhões) de acordo com o Japan Times.



Os novos super ferries da P&O Ferries


Sem comentários:

Publicar um comentário