domingo, 31 de maio de 2020

Recuperação do foguete da Sapce-X, Vídeo:

A empresa de voos espaciais SpaceX colocou com sucesso dois astronautas americanos na Estação Espacial Internacional em órbita, terminando uma longa estagnação no programa espacial tripulado dos Estados Unidos. É o primeiro voo espacial tripulado da ISS a partir do solo dos EUA em nove anos e o primeiro envio de astronautas à ISS realizada por uma empresa comercial.

Como parte da evolução do lançamento da SpaceX, está a recuperação o primeiro estágio do foguete impulsor, o Falcon 9 que pousou uma barcaça no mar. O vídeo da cena indica condições difíceis, com alguma ondulação no momento do pouso, estando a barcaça com acentuados balanços.
Depois que os astronautas completarem sua estadia a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS), eles voltarão à Terra usando a mesma cápsula. Assim como nas missões da Apollo, o pouso será no mar e o navio de recuperação da SpaceX, Go Searcher,  recuperará a cápsula numa posição na costa atlântica da Flórida.




Os navios movidos a energia nuclear


O sistema de recuperação e reutilização com base no mar para o Falcon 9, permite à SpaceX reduzir custos e oferecer seus serviços a um preço competitivo para clientes comerciais e governamentais. Outras empresas comerciais de lançamentos espaciais usam impulsionadores descartáveis, de modo que as despesas com o custo do foguete são sempre perdidas.
O CEO da SpaceX, Elon Musk, disse aos repórteres que estava entusiasmado com o sucesso da missão. "Estou realmente muito emocionado neste dia, tanto que fica meio difícil falar ", disse Musk em entrevista no sábado. "Faz 18 anos trabalho para este objetivo, por isso é difícil acreditar que isso aconteceu, acho que isso é algo particularmente importante nos Estados Unidos, mas agrada a todos os que, em todo o mundo, têm o espírito de exploração".


Ulstein projeta navio a hidrogénio para operações offshore




Fonte///MaritimeExecutive


Sem comentários:

Publicar um comentário