sexta-feira, 22 de maio de 2020

NOAA prevê temporada de furacões no Atlântico acima do normal em 2020


Os meteorologistas dizem que as condições estão criadas para uma temporada de furacões no Atlântico acima do normal em 2020.
Os meteorologistas do Centro de Previsão Climática da NOAA divulgaram suas perspetivas para 2020 prevendo uma possibilidade de 60% de uma temporada acima do normal, uma possibilidade de 30% de uma temporada quase normal e apenas 10% de uma temporada abaixo do normal. A temporada de furacões no Atlântico vai de 1 de junho a 30 de novembro.



Furacao-lourenzo-2019
Photo//Wikipédia

Os pequenos e elegantes "carreireiros"


O Centro de Previsão Climática, uma divisão do Serviço Nacional de Meteorologia, está prevendo de 13 a 19 tempestades, sendo que entre 6 a 10 podem tornar-se furacões, incluindo 3 a 6 grandes furacões de categoria 3.
A NOAA observa que uma temporada média de furacões produz 12 tempestades, das quais 6 se tornam furacões, incluindo 3 grandes furacões. A NOAA dá estas previsões com uma confiança de 70%.

Vários fatores climáticos estão contribuindo para atividades acima do normal este ano, incluindo o El Niño e as temperaturas da superfície do mar mais altas que a média, bem como redução do cisalhamento vertical do vento, ventos fracos do Atlântico tropical mais fracos e uma monção aprimorada da África Ocidental. Condições similares vêm produzindo estações mais ativas desde 1995.

A análise da NOAA das condições atmosféricas atuais e sazonais revela a receita para uma temporada ativa de furacões no Atlântico este ano", disse Neil Jacobs, Ph.D., administrador interino da NOAA. "Os nossos especialistas preveem, juntamente com atualizações dos nossos modelos de computadores e tecnologias de observação, previsões precisas e oportunas para proteger a vida e a propriedade".


"Cruzeiro do Canal" no canal do Faial com mau tempo


Fonte//NOAA


Sem comentários:

Publicar um comentário