terça-feira, 17 de março de 2020

Vários navios de cruzeiro com casos de COVID-19

Embora a indústria de cruzeiros tenha cancelado ou adiado os cruzeiros devido ao risco de coronavírus, muitos navios de cruzeiro ainda estão em a funcionar e em cruzeiros. Há três navios com casos conhecidos de coronavírus a bordo, aumentando os incidentes anteriores a bordo do “Diamond Princess” e do “Grand Princess”.
Além dos casos conhecidos de coronavírus a bordo do MS “Braemar” da Fred Olsen Cruises, atualmente em viagem para um porto de refúgio em Cuba, dois navios da Silversea Cruises foram colocados em quarentena na América Latina.


Silver-Explorer
Photo SilverSea

Celestyal Cruises interrompe cruzeiros devido ao COVID-19


A decisão do Chile de fechar suas fronteiras na segunda-feira teve um efeito imediato para o navio de cruzeiro da Holland America  MS “Zaandam”, que não tem casos suspeitos ou conhecidos a bordo. "Apesar de prevermos desembarcar hoje os passageiros do MS “ Zaandam” em Punta Arenas, no Chile, não fomos autorizados pelas autoridades locais. Portanto, o navio partiu do porto hoje à noite e agora está a caminho de San Antonio, no Chile, para um abastecimento de combustível e outras provisões ", afirmou a Holland America em comunicado. " A Holland America Line está em negociações com vários países e embaixadas para conseguir desembarcar os passageiros ".


A bordo do MS “Golden Princess”, três passageiros foram colocados em quarentena com sintomas respiratórios; um indivíduo foi testado com resultado negativo para o vírus. Não há casos conhecidos a bordo, e o MS “Golden Princess” navega para a a Austrália
O MS “Norwegian Jewel” não escalou o Taiti e fiji por não ter conseguido autorização para entrar e está ancorado em Suva. "Estamos trabalhando ativamente para encontrar um porto alternativo e estamos nos comunicando regularmente, pois temos mais informações", disse a operadora NCL em comunicado. A embarcação não tem casos conhecidos ou suspeitos a bordo.



Costa-luminosa
Photo CruzeirosTravel

MS Braemar não consegue porto para atracar por ter coronavirus a bordo


Atualmente, o MS “Costa Luminosa” está a caminho de Marselha após uma viagem transatlântica do Caribe, e os passageiros receiam haver casos positivos a bordo. Três passageiros da viagem atual foram desembarcados e, deram resultados positivos para a doença.
Em 29 de fevereiro, um passageiro doMS “Costa Luminosa” foi evacuado para as Ilhas Caymão após desenvolver sintomas de um derrame. Mais tarde, ele testou positivo para COVID-19 e no sábado morreu, segundo o Miami Herald.
A 8 de março, mais dois passageiros desembarcaram em Porto Rico e também testaram positivo para o COVID-19. O navio foi recusado a entrar em Antígua e seguiu para seu próximo porto de escala, as Ilhas Canárias, uma viagem de uma semana através do Atlântico. Na chegada, ela desembarcou mais três passageiros doentes (o resultado do teste não foi divulgado).
O MS “Costa Luminosa” agora segue para Marselha, onde deve chegar quinta-feira. Os passageiros não italianos devem desembarcar, de acordo com uma carta fornecida aos passageiros e compartilhada nas redes sociais. Informações dadas pelos passageiros atualmente a bordo do navio indicam que foram implementadas medidas de quarentena


Fonte//MaritimeExecutive



Sem comentários:

Publicar um comentário