segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Porto de Lisboa fez o primeiro abastecimento de combustível VLSFO de acordo com as regras da IMO


O Porto de Lisboa anunciou hoje (dia 18 de Novembro) que já fez o primeiro abastecimento de de acordo com as novas regras da IMO, para o novo combustível marítimo com 0,5% de enxofre.

Photo MarineTraffic

Em 2050 60% dos navios utilizarão o GNL como combustível.


O  ‘M/V Antonia’ foi o primeiro a receber o novo combustível marítimo menos poluente, com apenas 0,5% de enxofre, já de acordo com as regras estipuladas pela IMO.
Este novo combustível, VLSFO (Very low Sulphur Fuel Oil), foi fornecido pela Galp no fundeadouro, situado na zona entre Alcântara e Belém, a partir da Estação de Assistência Naval do Porto de Lisboa (EANPL).


O combustível que é utilizado pelos navios na área do Porto de Lisboa, tem no máximo 0,1% de teor de enxofre, de acordo com a directiva europeia de 2015 que se aplica aos estados membros da UE.

ABB apresenta estação flutuante de abastecimento de combustível limpo






Sem comentários:

Publicar um comentário