sexta-feira, 29 de novembro de 2019

Conoship assina contrato para projeto do novo DP2 tipo B

A Conoship International assinou recentemente um contrato com a Mawei Shipyard para o projeto de design de dois navios multiusos DP2-B para a Spliethoff Group.
Este será um navio com características únicas no mercado, cumprindo todos os requesitos do IMO Nivel III.
Terão a subclasse do Lloyd's Register, terão a classificação de classe gelo 1ª, estando também em conformidade com o código Polar. Os navios devem ser entregues em outubro de 2021   e fevereiro de 2022.


Photo Conoship


A Damen vai construir novo RoPax para Timor-Leste



A empresa de navegação Spliethoff Group, de Amesterdão, encomendou recentemente nove novos navios a estaleiros chineses. Para todos a Conoship International foi selecionada para conceber o design.
Além dos quatro navios LoLo (Wijnne Barends) e três navios RoLo (Bore Ltd.), o último pedido consiste em dois novos tipos B. Para estes navios, a Conoship foi contratada para entregar o pacote completo de aprovação de classe do navio, onde se inclui o projeto / estrutura e sistemas básicos.
Esses navios, o Brouwersgracht (imo 9896270) e Bloemgracht (imo 9896282), serão equipados com um motor diesel de 5300 kW, quatro motores auxiliares de 2000 kW, um lavador e redução catalítica seletiva (SCR) para atender aos requisitos da IMO Nível III.

A Brittany Ferries retira plástico descartável dos seus navios


Este navio de última geração é uma embarcação polivalente com uma capacidade de manutenção de estação DP2 de até Bft 6, tornando-o ideal para o transporte de grandes volumes e cargas pesadas diretamente no mar. Para conseguir o cargas e descargas rápidas, seguras e eficientes, de tubagens, tanto on-shore como offshore, a embarcação possui um guindaste de pórtico removível, automatizado e de manuseamento de tubos. O tipo B também é equipado com dois guindastes de elevação pesada Huisman 500 mt, tornando-a adequada tanto para transporte de cargas pesadas para instalação offshore.


Os navios terão 141 metros de comprimento, 24.50 metros de boca  e 12.500 ton de arqueação. Terão também dois propulsores de proa nos túneis (2 x 1950 kW) e dois propulsores de popa nos túneis (2 x 1100 kW), mais uma hélice de leme retrátil (1800 kW) na frente e uma hélice de leme retrátil (1800 kW) na popa. A velocidade de serviço é de 13 nós, com um máximo de 15 nós.


O “Costa Smeralda” concluiu com êxito testes técnicos no mar realizados com GNL.





Fonte//Conoship


Sem comentários:

Publicar um comentário